Confiram abaixo uma breve e nova Review do site News-leader, sobre a atuação de Robert Pattinson e o próprio filme em si “Cosmopolis“.

É difícil saber o que fazer com “Cosmopolis”.

É um frio gélido, olhar dilacerante e presciente em o que nossa sociedade tornou-se, na esteira da crise econômica? A confusão pretensiosa defende a forma sobre a substância? Uma coleção sinuosa de conjunto de peças frouxamente unidas por um decididamente estranho desempenho, distanciamento, a maioria das quais tem lugar dentro de uma limusine?

Sim.

Tudo isso e provavelmente mais, também. Filme de David Cronenberg, baseado no livro de Don DeLillo, estrelado por Robert Pattinson como um bilionário tentando fazer o seu caminho através de Manhattan para cortar o cabelo. Este, como o seu mundo está caindo ao seu redor. O emparelhamento de estilo de Cronenberg com palavras de DeLillo – o diretor disse que o diálogo vem basicamente, literalmente do livro – sons, no papel, como um emparelhamento sonho.

Não é claro que é. De fato, algumas partes do filme caem como uma luva em tais maneiras estranhas você quer saber o que Cronenberg preparou. Em seguida, outra cena irá aparecer e você vai pensar que ele resgata não apenas o que veio antes dele, mas o filme em si. Às vezes você se pergunta se Pattinson está propositadamente retirando-se emocionalmente do processo (provável) ou se ele não é só um grande ator (benefício da dúvida, tudo isso). Felizmente para todos os envolvidos, que termina com a maior nota de tudo, uma cena longa com Pattinson e Paul Giamatti.

“Cosmopolis” é frustrante, engraçado, instigante, estranho, enlouquecedor, vale a pena. Não é um grande filme. Às vezes não é uma boa. Às vezes, é. Em última análise, é uma pena trabalhar nisso, um exercício valioso se você estiver disposto a fazer o esforço.

“Cosmopolis”, uma produção Entertainment One, está classificado para maiores de 18 anospelo forte conteúdo sexual, incluindo gráfico de nudez, violência e linguagem. Tempo de duração: 108 minutos.

 

Via | Tradução: Nana Gimenes – Equipe TTBR